bannerAscom
«Voltar

Rui anuncia transmissões esportivas pela TVE, que terão campanha educativa do Detran

Os baianos poderão acompanhar pela TV Educativa (TVE) as partidas dos campeonatos de futebol Intermunicipal, Série B do Campeonato Baiano, Campeonato Estadual Feminino, copas Governador do Estado e 2 de Julho e Campeonato Estadual Sub-20. A transmissão foi anunciada pelo governador Rui Costa nesta segunda-feira (12), na Arena Fonte Nova, em Salvador. 
 
Os jogos, realizados até dezembro, totalizam 30 partidas e mais de 60 horas de transmissão. Eles serão exibidos ao vivo no canal 10.1 e pelo portal da emissora. Para Rui, as transmissões mostram a força e a importância do esporte para a vida das pessoas. "O objetivo é que todo mundo possa se reconhecer na tela da TV pública, o baiano do Oeste, da Chapada Diamantina, do norte do estado, do Nordeste, enfim, a Bahia precisa se ver na tela da Bahia", afirmou. 
 
O governador destacou também a visibilidade dos atletas. "É da maior relevância que as nossa juventude ganhe visibilidade. Se uma TV comercial, eventualmente, não tem interesse de transmitir esses jogos, pela falta de patrocinadores, a TV pública dá visibilidade à nossa juventude e quem sabe podemos promover daí diversos craques que vão ajudar o futebol baiano a melhorar o seu desempenho no futebol nacional". 
 
Na ocasião, o presidente da Liga Desportiva de Nazaré, Carlos Argolo, lembrou que muitos ídolos do futebol nacional se destacaram nos pequenos campeonatos. “O Intermunicipal, por exemplo, já foi celeiro de grandes craques. Vampeta é de Nazaré e já jogou nosso Intermunicipal. Foi aqui que muitos deram início à sua carreira”. 
 
No mesmo evento, o governador lançou o Projeto de Qualificação de Gestores de Ligas de Futebol, uma parceria entre a Federação Bahiana de Futebol e a Superintendência dos Desportos da Bahia (Sudesb), autarquia vinculada à Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre).
 
Diversidade
 
Presente no lançamento, o diretor-geral da TVE, Flávio Gonçalves, comentou que “não tem uma emissora no Brasil que transmita tantos campeonatos como a TVE está transmitindo”. Para ele, é uma obrigação da TV pública mostrar a diversidade do estado. “Na Bahia não tem só Série A com 11 times. São seis competições com praticamente 150 equipes. E a gente da TVE tem trabalhado para cada vez mais trazer essa juventude para a frente das telas”.
 
Segundo o diretor-geral, quem acompanhar os jogos pela TVE vai conhecer não apenas os jogadores, como também os municípios. “A cada jogo, nós vamos produzir uma reportagem com a história e a realidade de cada uma dessas cidades. Nós teremos nove câmeras em cada um dos estádios, transmitindo com sinal em HD aqui para região metropolitana. Hoje, mais de 5 milhões de habitantes, em 14 municípios, já conseguem captar nossos sinal em HD”.
 
Para o presidente da Federação Bahiana de Futebol  Edinaldo Rodrigues, a transmissão fortalece o futebol por promover uma visibilidade acima do comum a cada liga e cada clube que disputa esses campeonatos. “Posso afirmar que serão feitas parcerias comerciais para fortalecer a gestão e os elencos. Isso quer dizer que os atletas podem ser vistos por clubes maiores e os próprios clubes pequenos também podem crescer”.
 
Capacitação 
 
No evento, a secretária do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte, Olívia Santana, explicou como será feita a capacitação dos gestores, na qual serão investidos R$ 1,3 milhão. “Nós vamos ter um trabalho que será distribuído em 23 encontros, alcançando os 27 territórios de identidade. São encontros de capacitação de dirigentes de ligas e gestores esportivos municipais. Já temos uma grade de cursos para capacitação em projetos, com elementos da ética e relação de convivência para combater a violência. É um conjunto de conteúdos. Nós vamos circular até 2018, promovendo debate e qualificando esses gestores", afirmou a secretária. 
 
Educação no trânsito
 
Ainda durante as transmissões, o Detran-BA vai veicular mensagens de educação no trânsito. "Vamos aproveitar essas transmissões da TVE para veicular mensagens de combate à mistura de álcool e direção e às ultrapassagens irregulares. Serão mensagens rápidas para conscientização sobre a responsabilidade e a gentileza no trânsito. Somente assim nós vamos reduzir o número de vítimas fatais e de sequelados por acidentes", comentou o diretor-geral do órgão, Lúcio Gomes. 
 
Fonte: Secom-BA