Ações para segurança viária nas rodovias são discutidas em workshop

Data
Termos
Segurança viária

O IV Workshop de Segurança Viária foi realizado nesta sexta-feira (27), no auditório da Secretaria de Infraestrutura do Estado (Seinfra), em Salvador, com o objetivo de discutir ações para um trânsito mais seguro e contribuir na diminuição de acidentes e de vítimas. Nas rodovias estaduais, os dados mostram que houve uma redução de 28% nos registro de acidentes e de 14% em relação ao de mortes nos últimos cinco anos.

O resultado do programa iRAP, que analisou 4,5 mil quilômetros da malha rodoviária baiana, foi apresentado no evento. “O programa indicou as medidas necessárias para definir o melhor modelo de segurança viária a ser implantado rodovias avaliadas. Atualmente, estão sendo feitas novas visitas nas vias para analisar as intervenções necessárias e se precisarão de novos indicadores”, explicou a coordenadora de Segurança Viária da Seinfra, Margareth Gramacho. Além disso, está em fase de elaboração o edital para implantação de corredores pilotos nas rodovias estaduais.

Para contribuir na redução de acidentes e de vítimas nas vias, a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) desenvolveu normas para gestão de segurança viária. “A importância da norma é que ajuda as organizações a pensarem e planejarem as estratégias em cima da questão de segurança viária. A norma pode ser aplicada por um órgão público, uma concessionária privada e até em empresas que fabricam e transportam produtos no setor de logística”, ressaltou o consultor da ABNT,  Alexandre Garrido. 

O evento incluiu também um debate sobre a fiscalização rodoviária para resultado com ênfase nos modelos de gestão e nos indicadores. O workshop foi organizado pela Seinfra, Polícia Militar da Bahia (PMBA), por meio do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv), e do Banco Mundial. Além dos órgãos, o evento teve a presença de representantes da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), Departamento Estadual de Trânsito (Detran-BA), Superintendência de Trânsito do Salvador (Transalvador) e Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Foto: Itailuan dos Anjos / Detran-BA
Fonte: Seinfra